Chegou a hora da verdade

 Por Aluísio Pinheiro

Entra na reta final o campeonato de basquete mais fabuloso e caro do mundo. Dia 21 de abril, começaram os playoffs, fase quente da liga norte-americana de basquete, a NBA.

A equipe de Michael Jordan, o Chicago Bulls, é mais uma vez a favorita para conquistar o título. Contudo, a equipe não poderá contar cem por cento com o ala Scottie Pippen, que está voltando de uma lesão. Apesar deste contratempo, Jordan tem no ala-pivô Dennis Rodman o seu novo e fiel escudeiro. Rodman, o “bad-boy” de outras temporadas, parece estar mais maduro e responsável. Não seria por menos, pois os dirigentes do Chicago ofereceram a ele 10 milhões de dólares caso ele se comportasse nessa temporada. E deu certo. Rodman é o principal reboteiro da liga, com uma média de 15,1 rebotes por jogo.

Apesar disso, a tarefa dos Bulls não será fácil. Equipes como o Seattle Sonics, o Los Angeles Lakers e o Utah Jazz, finalista do ano passado, prometem dar muito trabalho à equipe do técnico Phil Jackson, cinco vezes campeã do torneio.

Serão os playoffs mais equilibrados dos últimos anos. Agora é pagar para ver quem vai levar o tão sonhado título da NBA.

(Publicado originalmente na Edição 1, de 23 de março de 1998)

Deixe uma resposta